Fazendeiro é autuado por queimada irregular em mata nativa

Durante fiscalização realizada nesta segunda-feira (31) por policiais militares ambientais de Corumbá, foi flagrado um incêndio em galhadas e vegetação de uma fazenda. O proprietário da fazenda, que fica a 40 quilômetros da cidade, foi autuado administrativamente e multado em R$ 22 mil. A queima dos materiais lenhosos, que estava amontoado em leitas, foi executada […]

Comentar
Compartilhar
02 nov 2016 Por Erik Silva 10h07
Proprietário foi multado em R$ 22 mil / Foto: Divulgação PMA

Proprietário foi multado em R$ 22 mil / Foto: Divulgação PMA

Durante fiscalização realizada nesta segunda-feira (31) por policiais militares ambientais de Corumbá, foi flagrado um incêndio em galhadas e vegetação de uma fazenda. O proprietário da fazenda, que fica a 40 quilômetros da cidade, foi autuado administrativamente e multado em R$ 22 mil.

A queima dos materiais lenhosos, que estava amontoado em leitas, foi executada sem autorização ambiental e atingiu a vegetação próxima. A medição realizada com GPS contabilizou 22 hectares de danos.

O proprietário que residem em São Paulo (SP), além de ter sido autuado e multado, responderá por crime ambiental por provocar incêndio em mata ou floresta, com pena prevista de dois a quatro anos de reclusão.

Colunas

Contraponto