Fiscalização da Agepan retira de circulação ônibus com problemas técnicos na linha Corumbá-Ladário

Em fiscalização para checar o serviço prestado pela empresa Canarinho na linha Corumbá – Ladário, a Agepan determinou que a empresa repare problemas mecânicos constatados em alguns ônibus, que só podem voltar a circular após os consertos Ladário (MS)- A fiscalização especial desencadeada há uma semana pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan) […]

Comentar
Compartilhar
06 out 2016 Por Redação 12h40

Em fiscalização para checar o serviço prestado pela empresa Canarinho na linha Corumbá – Ladário, a Agepan determinou que a empresa repare problemas mecânicos constatados em alguns ônibus, que só podem voltar a circular após os consertos

Ônibus com problemas mecânicos foram retirados de circulação

Ônibus com problemas mecânicos foram retirados de circulação

Ladário (MS)- A fiscalização especial desencadeada há uma semana pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan) na linha de transporte intermunicipal Corumbá – Ladário constatou problemas técnicos em alguns ônibus da Viação Canarinho, que resultaram na retirada de circulação desses veículos. A Agência determinou que a empresa providencie de imediato os reparos para que os carros possam voltar a circular. O processo fiscalizatório continua, com a Agência acompanhando se a empresa está adotando medidas para não deixar os passageiros sem atendimento enquanto procede os reparos.

A equipe de fiscalização percorreu os diversos trechos da linha, vistoriou ônibus e entrevistou passageiros. A principal reclamação é em relação a atrasos, ocasionados, especialmente, por problemas mecânicos e insuficiência de carros reservas. Em muitas situações, não está sendo cumprido o intervalo de 15 minutos entre os horários de passagem nos pontos.

Em vistoria técnica, ficou constatada uma série de problemas mecânicos em quatro ônibus da frota, o que levou à Agência a determinar a parada desses carros para manutenção. “Ter os ônibus com a devida manutenção preventiva ou corretiva é uma das obrigações indispensáveis dos prestadores de serviço. É uma exigência de que a agência reguladora não pode abrir mão, visando garantir que não fique ocorrendo paralisação por quebra e que não haja risco à segurança do usuário durante a viagem”, alerta o diretor de Transportes e Rodovias da Agepan, Ayrton Rodrigues.

A fiscalização continua ao longo desta e da próxima semana para verificar se a empresa adotou providências que garantam o cumprimento normal dos horários enquanto os carros com problemas estão em manutenção, e para conferir se ônibus retidos que eventualmente já estão de volta às ruas passaram pela manutenção determinada. Na sexta-feira, 14, vai ser feita nova vistoria mecânica pela fiscalização em cada um dos ônibus determinados.

Ouvidoria

Em caso de reclamações ou denúncias, usuários podem entrar em contato com a Ouvidoria da Agepan, gratuitamente pelo telefone 0800 600 0506, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 13h30. As reclamações também podem ser enviadas por escrito para o e-mail ouvidoria@agepan.ms.gov.br. Neste link está disponível o formulário de reclamação.

Leia Também

Colunas

Contraponto