‘Nuvem rolo’ anuncia chegada da chuva a MS e rende imagens incríveis

Moradores fizeram fotos de fenômeno no início da manhã desta quarta-feira Fotos tiradas em cidades do sul de Mato Grosso do Sul que circulam no WhatsApp impressionam por mostrar nuvens carregadas tomando conta do céu. Apesar da previsão de temporal e do “anúncio” da aproximação da tempestade pela manhã, em Dourados, por exemplo, só foram […]

Comentar
Compartilhar
03 nov 2016 Por Campo Grande News 7h00

Moradores fizeram fotos de fenômeno no início da manhã desta quarta-feira

Nuvem foi fotografada em diversas regiões do Estado nesta quarta-feira / Foto enviada por WhatsApp

Nuvem foi fotografada em diversas regiões do Estado nesta quarta-feira / Foto enviada por WhatsApp

Fotos tiradas em cidades do sul de Mato Grosso do Sul que circulam no WhatsApp impressionam por mostrar nuvens carregadas tomando conta do céu. Apesar da previsão de temporal e do “anúncio” da aproximação da tempestade pela manhã, em Dourados, por exemplo, só foram registrados 6 milímetros de chuva e o vento foi o responsável pelos estragos.

Segundo Vicente Chencarek, o coordenador da Defesa Civil de Dourados, as rajadas de vento de 55 km/h foram responsáveis por derrubar ao menos 15 árvores e destelhar quatro casas da maior cidade do cone sul – distante 228 km de Campo Grande. Não houve alagamentos.

Em Dourados formação da "nuvem rolo" assustou moradores

Em Dourados formação da “nuvem rolo” assustou moradores

As árvores atingiram a rede elétrica, atrapalharam o trânsito e uma delas caiu sobre um veículo onde estavam três pessoas. A queda aconteceu quando o carro passava pela rua Benjamim Constant entre a avenida Marcelino Pires e Joaquim Teixeira Alves, no centro da cidade. A Defesa Civil foi acionada e ajudou no socorro, mas nenhum dos ocupantes ficou ferido.

O temporal deixou rastro de destruição em outras cidades do sul do Estado, como Bela Vista, Ivinhema e Nova Andradina.

 Imagens – Uma das fotos que chegou ao Campo Grande News foi feita pelo servidor da Embrapa Agropecuária Oeste, Auro Otsubo. Ele fotografou o fenômeno logo cedo, do 9º andar de um prédio localizado na rua Albino Torraca, no centro da cidade. “Acordei, olhei para fora e vi aquele mostro, parecia uma nave, vinha se aproximando muito rápido, tomando conta do céu. Achei muito bonito também, então em fotografei e compartilhei nos grupos [do WhatsApp]”.

O tsubo é agrônomo e trabalha como chefe-adjunto de Transferência de Tecnologia na Embrapa, mas não sabe exatamente do que fenômeno se trata. “Acredito que seja a frente fria se aproximando”.

Ele conta que apesar do susto, a “mega-nuvem” passou rápido pela cidade.

Outras imagens teriam sido feitas em Caarapó e Rio Brilhante – a 283 km e 163 km da Capital, respectivamente.

Imagens teriam sido registradas também em Rio Brilhante e Caarapó

Imagens teriam sido registradas também em Rio Brilhante e Caarapó

‘Nuvem rolo’ – Fenômeno parecido já foi registrado em outras cidades brasileiras. O G1 do Espírito Santo fez matéria sobre a “nuvem rolo” em Guarapari, cidade do interior do Estado, em agosto deste ano.

O Incaper (Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural) explicou à reportagem do G1 que a motivação deste tipo de nuvem ainda não é um consenso entre a comunidade científica de meteorologia.

A teoria mais aceita é que o processo de formação está relacionado a um contraste entre massas de ar de diferentes tipos, temperaturas, umidade, densidade e a forte variação da velocidade do vento.

Os ventos sopram de direções diferentes na base e no topo da nuvem, dando o formato circular a ela.

Previsão – O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) prevê tempo instável para amanhã (3), principalmente no norte e nordeste do Estado, mas as chuvas serão com menor intensidade. Continua chovendo fraco até domingo. Temperaturas variam de 12ºC a 31ºC nesta quinta-feira.

Em Campo Grande há possibilidade de chover amanhã à tarde e à noite. Os termômetros marcam mínima de 19ºC e máxima de 25ºC.

Colunas

Contraponto