Petrobras anuncia reajuste e preço do gás de cozinha fica mais caro hoje

O gás de cozinha fica mais caro a partir de hoje em todo o país. Ontem, a Petrobras anunciou uma nova política de preços para o produto que terá impacto de até 4% nas refinarias e deve ser repassado ao consumidor. Em 1° de setembro o gás GLP subiu 9% em Mato Grosso do Sul. […]

Comentar
Compartilhar
01 nov 2016 Por Campo Grande News 7h58
300x225-83fa662ca320fbfbfe333b39bf2db32c

Segundo reajuste em dois meses. (Foto: Marcos Ermínio)

O gás de cozinha fica mais caro a partir de hoje em todo o país. Ontem, a Petrobras anunciou uma nova política de preços para o produto que terá impacto de até 4% nas refinarias e deve ser repassado ao consumidor. Em 1° de setembro o gás GLP subiu 9% em Mato Grosso do Sul.

De acordo com a Asmirg/BR (Associação Brasileira dos Revendedores de GLP), o aumento deve começar a chegar hoje nas distribuidoras de todo o país, mas deve variar entre R$ 2 a R$ 4 dependendo da região e da marca escolhida.

Em Campo Grande, o preço médio do botijão de gás é de R$ 65 mas pode passar dos R$ 70, dependendo da região e empresa. O último reajuste foi em 1° de setembro, quando devido a ajustes de custos operacionais o produto ficou 9% mais caro para os consumidores.

Presidente da Asmirg/BR, Alexandre Borjaili considera irresponsável a decisão da estatal de elevar o preço neste momento. “A empresa está passando por mudança e nem todas serão boas para distribuidoras e consumidores. Por não ter muito estoque, o reajuste deve começar chegar ainda hoje para os clientes”.

https://www.youtube.com/embed/0XKWEpfeHF0

Colunas

Contraponto