Vídeo: bandidos ‘tocam’ terror durante assalto a supermercado

Autores fugiram. Sensação de impotência, assim foi descrita a noite de terror vivida pela proprietária, de 40 anos, de um supermercado, no Jardim Itatiaia, alvo de três bandidos armados. “Eles gritavam muito, o que deixou todos assustados”, fala. Há três anos no local esta foi a primeira vez que a comerciante foi assaltada, e diz […]

Comentar
Compartilhar
09 set 2016 Por Midiamax 10h38

Autores fugiram.

supermercado

Supermercado foi alvo de três bandidos armados na noite desta quinta-feira (8) (Arlindo Florentino)

Sensação de impotência, assim foi descrita a noite de terror vivida pela proprietária, de 40 anos, de um supermercado, no Jardim Itatiaia, alvo de três bandidos armados. “Eles gritavam muito, o que deixou todos assustados”, fala.

Há três anos no local esta foi a primeira vez que a comerciante foi assaltada, e diz que sentiu muito medo. Moradores da região explicam que pequenos roubos e furtos são corriqueiros no bairro.

O construtor, de 55 anos, que não quis ser identificado afirmou a equipe do Jornal Midiamax, que na região o roubo de celulares é alto e que a casa de um familiar já teria sido alvo de bandidos por cinco vezes.

O assalto

A proprietário de um supermercado, no Jardim Itatiaia foi alvo de bandidos na noite desta quinta-feira (8), ela afirmou aos policiais, que por volta das 20h15 três homens entraram em seu estabelecimento armados anunciando o assalto. Um dos bandidos ficou na porta, enquanto os outros dois exigiram dinheiro dos caixas e carne do açougue.

A polícia foi acionada e com as características de um dos ladrões, que teria uma tatuagem de flor na mão, os investigadores de polícia identificaram o autor como Gean Blendão Pereira Rodrigues, de 19 anos.

Ao chegar a residência de Gean, a irmã do autor afirmou que ele não estava na residência, mas encontraram na frente do imóvel um veículo ainda com o motor quente, que poderia ter sido usado no roubo.

De acordo com informações da ocorrência, uma campana foi montada em frente à casa e momentos depois o autor chegou, mas ao perceber a movimentação em frente ao imóvel, Gean pulou o muro para a casa dos fundos, sendo perseguido pelos policiais.

Ao avistar um dos investigadores de polícia o autor efetuou disparos que foi revidado. Gean ainda foi perseguido por aproximadamente 150 metros, mas fugiu entrando em um matagal.  O dinheiro e objetos roubados do supermercado foram devolvidos a dona do estabelecimento.

Colunas

Contraponto